domingo, 20 de dezembro de 2009



194 -UNIVERSO PARALELO
Autor: Carlos Henrique Rangel

Meu amor
Se foi...
Sumiu nesse
Universo Paralelo
Para onde
Vão os guarda-chuvas
Perdidos...


Eu também
Não me encontro
No mundo.
Apenas me
Lambuzo
De seres
Indesejáveis
Tentando me achar...


Não acho
E acho
Que não sei
De mais nada...


Tento me refugiar
No Universo Paralelo
Onde se encontram
Os perdidos.
Meu amor
Está lá...
E eu caminho
Em suas ruas
Tentando encontrar.




Nesse Universo Paralelo
Onde estão
Os guarda-chuvas
Perdidos
Vejo amores
Antigos
Quem não teem
Mais sentido.


Mas ela,
Meu amor
Recente
Ainda não vi.


Mas ...
Está lá
Entre seres esquecidos
Entre guarda-chuvas
Perdidos...

12 comentários:

  1. Minha filha me disse que os guarda-chuvas que se perdem vão para o universo paralelo... Ninguém mais encontra...

    ResponderExcluir
  2. Os amores perdidos continuam existeindo no universo paralelo. Só aqui ele acabou...

    ResponderExcluir
  3. Acredito que sim... Uma continuação paralela do que poderia ter sido se não se perdessem...

    ResponderExcluir
  4. hum entramos em uma teoria quântica... a teoria das multicordas! no qual existem vários universos que complementam o nosso!! Os amores perdidos existem aqui também... só que estão escondidos no lugar mais secreto do universo... no coração do seres!!!

    ResponderExcluir
  5. Tudo é um eterno "poderia ter sido"
    Mas o que É é o que dizem ser real...
    Mas o real para quem?

    ResponderExcluir
  6. Penso, logo quero,
    Olho, logo consigo,
    Faço, logo desisto.

    ResponderExcluir
  7. ahh... Eu olho mais um pouco...
    Quero mais um pouco...
    Faço...
    Desistir... Não sei...

    ResponderExcluir

1212 - FOICE