sábado, 12 de junho de 2010

369 - DE MIM
Autor: Carlos Henrique Rangel

Meu pior
Desejo
Foi te desejar
Longe de mim.
Longe de mim
Esse desejo
De te ter
Longe de mim.

Te quero minha.
Te desejo minha.
Meu melhor
Desejo
É ter você
Perto de mim.

370 - PAZ II
Autor: Carlos Henrique Rangel

A paz que quero
Eu a perdi
Para os desejos.
O que quis
Afastou-me
Do que quero...

Desejei o mundo.
Não cheguei perto.
E não sou feliz.
A paz que achei
Que teria
Ao ter um pouco
De tudo,
Não consegui.

Hoje não quero
Mais nada.
Apenas paz.
Que eu tenha menos
O que desejava.
Esse é o meu desejo.
Que eu tenha paz
Agora.


371 - TÃO LINDA
Autor: Carlos Henrique Rangel

Menina,
Por que se faz
Tão linda?
Um pedaço de você
Eu queria
Em minha companhia.
Pequeno que seja
Eu queria.
Para me olhar...
Para me beijar...
Seja minha.

Menina,
Por que não se faz
Minha?
Pedaços de você
Eu guardaria.
Esteja sempre
Em minha companhia.


4 comentários:

  1. Olá PROTEUS
    Segui o teu rasto desde o luso e eis que aqui vim parar a este teu cantinho de poesia, onde encontrei belos poemas de amor com a tua assinatura.
    De vez em quando gosto de sair em busca de outros espaços que não seja só o grande luso.
    Foi na blogosfera que comecei e embora já não a viva como vivia, intensamente, ainda a gosto de sentir...

    Beijo da cleo

    ResponderExcluir
  2. Seja bem-vinda.
    Espero que tenha gostado.
    Volte sempre.

    ResponderExcluir
  3. Olá sou BRuno Cassiano dono de um blog chamado Mundo Leitor, e vim convidar a autora deste blog a ser uma postadora de lá.
    contato: mundoleitor@gmail.com
    ou
    http://mundo-leiotr.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Bruno, Proteus é "um autor". Obrigado pelo convite.

    ResponderExcluir

1245 - POSSÍVEL